domingo, 19 de junho de 2011

Veterinários inseguros X proprietários bem informados

Devolva meus clientes, Google!
Proprietária irresponsável e desinformada num fórum de discussão por aí:

"tenho uma gata, com idade de 17 anos. A mesma há duas semanas atrás, vem diminuindo seu apetite a cada dia mais. Ontem , p/ curtar a história, peguei ela, como sempre, no colo, para verificar seu ultimo dente, que achei que era o causador da "pouca" apetite, mas... verifique q ela está toda AMARELA, barriga, lingua, gengiva. Com isso, fiquei muito preocudada, mais do que ja estava. Gostaria de saber, que existe alguma doença, q deixa um felino assim AMARELO e com quase sem apetite? ou será falta de vitamina? Grata! ( a mesma ja perdeu por volta de uns 2kg 1/2 =ou -)" (sic)

Começaram a surgir as respostas óbvias de sempre: "leve a gata ao veterinário!", "se perdeu tanto peso e está amarela, só pode estar doente" (duh). Ora, a pessoa está, há duas semanas, observando de camarote a gata definhar, mudar de cor e não procurou ajuda veterinária ainda, digitar respostas óbvias será que vai adiantar? Não seria mais produtivo mostrar a real gravidade da situação, explicando quais as possíveis causas e a consequência (a gata morrer)? Pensando assim eu postei artigos sobre lipidose hepática e causas de icterícia em felinos - nenhum deles contendo tratamento, apenas artigos superficiais. Aí aparece uma veterinária recém-formada - já famosa na tal comunidade por suas respostas estúpidas - e dá o coice: "Se ela veio no orkut procurar saber a 'curiosidade' sobre a gata e você fornece uma lista com as doenças que causam icterícia, vc realmente acha que ela vai levar a gata para uma consulta? Não! Dr. Google. E você facilitou muito o trabalho. Trofeu Jóinha pra vc!!", "Estudamos 5 anos para dar um diagnóstico e tem gente que fuça na merda do orkut e 'diagnostica e trata' em 5, graças a pessoas como vc". (sic)  o_O

É, o "Dr Google" deve ser realmente uma ameaça para veterinários medíocres, desatualizados e/ou incompetentes. Ter que lidar com proprietários bem informados, críticos e exigentes e não poder mais permanecer confortavelmente em seus pedestais ("sim, dotô, tudo o que o sinhô mandá, dotô") deve ser amendrontador mesmo para alguns :). Bom, sinto muito informar, mas vocês nasceram na época errada...risos. Hoje em dia qualquer idiota tem acesso à internet e basta saber ler e escrever razoavelmente para "consultar" o "Dr Google". E se quiser usar o Google para tratar os animais por conta própria e evitar pagar consulta, é o que o irresponsável vai fazer, assim como fazia, antes da "era digital", ao "consultar" o "Dr Atendente" da casa de ração, ou seja, quem não quer pagar consulta, não vai pagar consulta e pronto. Não é culpa do Google. A informação não deve ser vista como uma ameaça. Veterinários não devem torcer para que os proprietários permaneçam "no escuro". É uma atitude burra em todos os sentidos. É desperdiçar energia numa guerra perdida. Não adianta chacoalhar o diplomazinho e falar palavrão na internet, mais inteligente seria gastar o excesso de tempo livre estudando, se atualizando, fazendo cursos de especialização. Veterinário competente não tem "medo" de proprietário bem informado, não tem medo de ser "trocado" pelo google (*risos*), não perde tempo em fóruns de discussão descarregando suas frustrações por quase não ter cliente e trabalhar por salário mixuruca em clínicazinha nos fundos de pet shop. Veterinário bom ou está estudando ou trabalhando ou aproveitando o pouquíssimo tempo livre que sobra para VIVER (imagina se a Heloísa Justen ou o Archivaldo Reche perdem tempo dando chilique em redes sociais, pq eles estudaram 5 anos mimimi e aí vem o google malvado e rouba a clientela deles mimimi). VÃO ESTUDAR!

Se a proprietária irresponsável lá de cima fosse menos desinformada, já saberia que gatos não devem ficar mais que 2 ou 3 dias sem comer ou correm sério risco de desenvolver lipidose hepática. A gata não teria ficado completamente amarela, não estaria correndo sério risco de vida. Um dono/guardião bem informado sabe que gatos dessa idade devem passar por check-ups regulares, que perder dentes não é "normal", mas sinal de doença periodontal e precisa de tratamento. O mesmo vale para quem perde gatas com piometra ou tumores de mama por não saber das vantagens da castração precoce ou dos riscos da aplicação de anticoncepcionais (muitas vezes indicados e aplicados pelos veterinários que AMAM proprietários desinformado$). Ou que aceitam a indicação de eutanásia para gatos com esporotricose, que tem cura. A lista de absurdos não tem fim.

Pesquisem, leiam, se informem! A ideia, obviamente, não é substituir veterinários pelo "Dr Google" (pelamordedeus!!), mas reconhecer os "sinais de alerta" (de que algo não está bem com a saúde do seu pet), saber diferenciar um veterinário competende de um medíocre e desconfiar de um diagnóstico ou tratamento errado.


"Proprietário bem informado é o principal defensor da saúde do seu animal"
________________________________
(não faço ideia de quem é a frase, se alguém souber, avise!)

12 comentários:

fernandagoulart disse...

concordo 100%. e preciso ressaltar que ri muito com a tag "crazy people". hahaha

Gata Lili disse...

boa Me adota!

ROGÉRIO CABRAL disse...

Adoro suas "PEDRADAS" nesse povinho imbecíl! Uma das minhas gatas teve conjuntivite. Eu reparei que seu olho estava MUITO vermelho, entrei no "Dr. Google", pesquisei os sintomas e confirmei com a veterinária, simples assim. Meu outro gato comia igual uma "DRAGA", derrepente começou a não comer. Esperei exatas 24h para ver se era impressão minha. Ele não comia mesmo. Veterinária nele! Ele estava gripado. Tomou uma dipirone e BINGO! Voltou a comer como antes. Eu não sou veterinário, mas também não sou burro. O tempo que se perde com o raio do "ACHISMO", pode ser tarde demais para os peludos. Ô povo burrooooo... Abraços.

Lin disse...

Bons veterinários ensinam,explicam e respondem.

Adorei essa "pedrada" e me irrita profundamente nas comunidades e grupos de discussão vets corporativistas defendendo atitudes assassinas por Ética. Veterinário que aplica anticoncepcional, indica uma cria antes de castrar e trata esporo com eutanásia por exemplo, não merece ser respeitado.

Tesouros da Mah disse...

Caraaa...amei seu post! é isso mesmo, informação é tudo!
Uma irmã minha aceitou a eutanásia do gatinho dela q estava c/ esporotricose. Além da vet. dizer ser necessária a eutanásia, ainda disse q era fatal p/ humanos. Depois de ler sobre, descobri q há cura e é gratuita na FioCruz! Ou seja, se ela tivesse se informado no Dr.Gooogle, o gatinho estaria vivo!
Parabéns pelo Post!

Me Adota? disse...

Revoltante, né? Uma dessas "porcarias com CRMV" já quis eutanasiar o cachorro de uma tia minha só por causa de sarna demodécica! O_o

Vera disse...

Eu tenho que discordar num ponto apenas: gatos não são propriedade de ninguém, não são mercadorias que possuem donos.

Gatos podem estar sob os cuidados de tutores conscientes, bem informados - este é um lance diferente!

Ver o gato como propriedade é considerá-lo coisa.


Abraços,



Vera Rodrigues-Rath

Me Adota? disse...

Me impressiona que alguém entre no blog e no meio de tanta informação útil, perca tempo fazendo uma crítica tão bobinha... :/

Vera Rodrigues-Rath disse...

Me adota, eu não penso assim... as palavras são importantes. Numa imagem eu li a frase "Bicho não é lixo"... e eu também poderia dizer "nem mercadoria".

Não considero minha crítica boba, vã, superficial e tal.

Tenho inclusive um complexo de sites na net e gostaria de divulgar o trabalho de vocês... mas em não sendo bem-vinda... até algum dia!


Vera, Donauwörth, Alemanha.

Me Adota? disse...

Tchau, Vera! :)

Vanessa Lampert disse...

Excelente texto! Eu já perdi gatos por causa desse tipo de veterinário...e cachorros também. Já teve vet indicando anticoncepcional injetável para a gata da minha irmã, dizendo "esse é diferente"...já teve vet me dizendo que não precisava escovar os dentes de gatos, que a saliva era auto-limpante.

Já teve vet querendo tratar rinotraqueíte como alergia e dar corticóide a um gato imunodeprimido...já teve vet que disse que se o teste para FIV de um dos gatos deu negativo, então todos os outros eram negativos, também...

Já teve vet dizendo que eu teria que eutanasiar um gato com hepatite (e que depois de curado viveu mais sete anos), já teve vet dizendo que eu teria que eutanasiar uma gata porque tinha fecaloma, dizendo que ela tinha dez anos, já estava velhinha, que era normal da idade...nenhum mísero veterinário me disse como raios tratar! Infelizmente eu não tinha informação e minha gata morreu aos 11 anos, depois de anos de sofrimento inútil.

Já teve vet que eutanasiou (sem minha autorização) uma gata com fratura na pata dianteira, dizendo que não teria como imobilizar. Anos depois, adotei o Tiggy, já curado de uma fratura idêntica. Teve vet que não soube identificar uma pele necrosada e riu da minha preocupação, teve vet que quis tratar alergia a nylon refazendo a sutura com...nylon!

Tenho trauma de veterinário que não estuda, que não se informa. Passei por alguns problemas semelhantes com médicos, também. Informação salva vidas. Ignorância mata. Em Porto Alegre me achei com a Dra. Rochana, da Chatterie, justamente porque ela gosta de proprietário bem informado, explica, conversa...aqui em São Paulo, quando eu precisar de vet, vou no Dr. Archivaldo, a consulta é cara, mas passar pelas mãos de açougueiros como essa do orkut é mais caro ainda.

Teste para saber se você está nas mãos de um bom médico, ou de um bom veterinário: se informe bastante antes e faça muitas perguntas. Se ele se irritar, é fria. Se vier com umas do tipo "o médico aqui sou eu", saia correndo e não volte nunca mais. "Estudei cinco anos" não quer dizer nada para mim. O certo é estudar a vida toda, minha filha, e isso não é mais do que a sua obrigação.

E a de todos nós, afinal.

Me Adota? disse...

Pois é, Van, casos como os que vc citou são bem comuns, por mais absurdos que pareçam, infelizmente.